Biênio 2016 - 2017

Biênio 2016 - 2017

Pesquisar

Acesso Rápido ao Blog

Arquivo do Blog

Desta maneira o comereis: lombos cingidos, sandálias nos pés e cajado na mão; comê-lo-eis à pressa; é a Páscoa do SENHOR. Porque, naquela noite, passarei pela terra do Egito e ferirei na terra do Egito todos os primogênitos, desde os homens até aos animais; executarei juízo sobre todos os deuses do Egito. Eu sou o SENHOR. O sangue vos será por sinal nas casas em que estiverdes; quando eu vir o sangue, passarei por vós, e não haverá entre vós praga destruidora, quando eu ferir a terra do Egito. Este dia vos será por memorial, e o celebrareis como solenidade ao SENHOR; nas vossas gerações o celebrareis por estatuto perpétuo.” (Êxodo 12. 11-14) 
  A Páscoa é a festa instituída em lembrança da morte dos primogênitos do Egito, da libertação dos israelitas do cativeiro e também a morte de Jesus para a nossa libertação da escravidão do pecado.
  O nome Páscoa deriva de uma palavra hebraica que significa a “passagem” do anjo exterminador, sendo poupadas as habitações dos israelitas, em cujas portas tinham sido aspergidas com o sangue do cordeiro pascal, como está mencionado em Êxodo 12.11-14. Não somos dessa terra que escraviza, temos que estar prontos para partir, lombos cingidos, sandálias nos pés, cajado nas mãos e comendo as pressas porque é a páscoa do Senhor, morte e libertação. Vemos que os israelitas obedeceram e passaram o sangue por sinal nos umbrais das portas e foram salvos, e aqueles que não obedeceram tiveram seus primogênitos mortos. 
  O sangue do cordeiro simboliza também a expiação de Cristo mediante a salvação que é conferida àqueles que nele confiam e obedecem às suas palavras. A crucificação de Cristo é a páscoa cristã, é o cordeiro que tira os pecados do mundo, é o livramento da escravidão do pecado, é a redenção espiritual do homem caído. O poupar dos primogênitos dos israelitas em resultado do sacrifício do cordeiro serviu como símbolo do fornecimento da nova vida que nos é transmitida por causa da morte e da ressurreição de Cristo, o Cordeiro de Deus, o resultado disso é a participação da nova vida de Deus em Cristo Jesus.
FELIZ PÁSCOA
Aproprie-se do sacrifício que Jesus fez por você, dando seu sangue numa cruz e usufrua de uma vida em liberdade do pecado, a vida abundante que ele nos preparou! Pr. Gilson

No Cenáculo

Revista Escola Dominical