Biênio 2016 - 2017

Biênio 2016 - 2017

Pesquisar

Acesso Rápido ao Blog

Arquivo do Blog

Davi, porém, fortaleceu-se no Senhor, o seu Deus (I Samuel 30.6b)

Todos nós temos nossos dias de crise quando parece que tudo foi “por água abaixo”. Dias que parece que não vemos a “luz no fim do túnel” e que Deus se voltou contra nós.
No capítulo 30 de I Samuel vemos Davi experimentando esse tipo de crise. Ele está voltando da batalha com seus soldados e descobre que os amalequitas  haviam atacado seu acampamento. Eles haviam saqueado todos os seus bens e, ainda pior, haviam raptado suas esposas e filhos. A situação era tão terrível que os soldados de Davi já falavam em apedrejá-lo.

É interessante ver o que Davi fez naquela crise. Ele obviamente chorou junto com os soldados pela perda de suas mulheres e crianças. Mas depois disso, deixando de lado a auto-piedade, procurou ajuda no Senhor: “Davi, porém, fortaleceu-se no Senhor”.
Quero sugerir que I Samuel 30 mostra Davi dando alguns passos muito claros para vencer aquela crise:
1.      Davi rendeu-se à vontade de Deus (I Samuel 30.7-8):
Davi pediu ao sacerdote que lhe trouxesse o colete sacerdotal.  Aquele colete era um instrumento sacerdotal usado para determinar a vontade de Deus. Davi então perguntou ao Senhor se deveria perseguir os inimigos e a resposta foi “sim”.  Assim percebemos que antes de agir na crise Davi procurou saber a vontade de Deus para aquele momento.
2.      Davi procurou fortalecer-se a si mesmo e aos seus soldados (I Samuel 30.9-10):
Davi e seus homens estavam cansados da batalha. Estavam também emocionalmente desgastados pelas perdas, mas em obediência ao Senhor eles saíram em perseguição aos amalequitas. Deus, porém, lhes providenciou o ribeiro de Besor. Lugar de refrigério e renovação das forças naquele tempo de crise.
Quando Deus nos dá uma missão, ele sempre nos provê também a força que precisamos para obedecer.
3.      Davi confiou que Deus faria o que eles não podiam fazer (I Samuel 30.11-20)
A figura daquele egípcio encontrado no campo (v.11) é a própria imagem da providência de Deus.
Tantas perguntas deveriam estar passando pela mente de Davi: “onde os inimigos se esconderam?”; “Será que são mais fortes do que o meu exército?”; “Será que já mataram nossas esposas e filhos?”
Mas a providência de Deus através daquele egípcio foi suficiente para que Davi pudesse levar a cabo sua missão.
Assim como Davi, nós também somos desafiados a viver em obediência às ordens de Deus. Mas assim como Davi, nós também podemos confiar que Deus fará aquilo que não podemos fazer por nós mesmos.



É possível que agora mesmo você esteja vivenciando uma situação que não sabe como será resolvida. Deus, porém sabe de todas as coisas. Foi o próprio Davi que fez a seguinte afirmação:
“Entrega o teu caminho ao Senhor; confia nele, e o mais ele fará” Salmos 37.5

No Cenáculo

Revista Escola Dominical