Biênio 2016 - 2017

Biênio 2016 - 2017

Pesquisar

Acesso Rápido ao Blog

Arquivo do Blog

“Uma coisa pedi ao SENHOR, e a buscarei: que possa morar na casa do SENHOR todos os dias da minha vida, para contemplar a formosura do SENHOR, e inquirir no seu templo”. Salmos 27.4

 Em 1967 Charles Hummel publicou um pequeno livro sob o título de “A Tirania do Urgente”.
Naquele livreto Hummel dizia que a razão pela qual nós vivemos tão sobrecarregados e preocupados com tantos afazeres é a confusão com relação às nossas prioridades.


Hummel afirmava que o nosso maior perigo seria permitir que as coisas urgentes ofuscassem as coisas importantes.

Quais são as coisas importantes na nossa vida? No verso acima o salmista nos dá uma dica: estar na presença de Deus, buscando a orientação dele; investigando a sua vontade (“... para contemplar a formosura do Senhor, e inquirir no seu templo”).

Que tremendo desafio para cada um/a de nós, chamados/as para liderar o povo de Deus.

Na presença dele recebemos discernimento. Na presença dele as demais prioridades vão ficando mais claras: a família; o rebanho; o trabalho para o qual ele nos designou e que só nós podemos realizar.

Distante da presença dele essas coisas realmente importantes vão sendo ofuscadas  pelas demandas das coisas urgentes do dia a dia. Distante da presença dele, vamos perdendo o discernimento.

Você já percebeu quantas vezes usamos a frase: “estou sem tempo” ou “gostaria que o dia tivesse 30 horas”. Na verdade nosso problema não é o tempo ou a falta dele. Nosso problema é nossa dificuldade em priorizar.

Assim, acabamos por deixar de fazer coisas que deveríamos ter feito e acabamos fazendo coisas que não precisaríamos necessariamente ter feito.

Que na presença dele possamos ser livres da tirania da urgência para realizarmos (para a gloria dele) aquilo que é realmente importante.

Tenha um abençoado fevereiro!

Bispo João Carlos

No Cenáculo

Revista Escola Dominical